12 de março de 2011

LA PROPUESTA

ELE

Finalmente eu entendo
todo o sofrimento
destes meus caminhos

Linhas tortas e incompletas
Por Deus escritas certas
Pra me deixar em desalinho

Mas agora vem o alento
Pulsando em chamamento
Pra andar no teu caminho

O que era praia deserta
De passos ficou repleta
Pegadas onde me aninho

Se sofri foi pra aprender
Com o desamor desta vida
Para enfim pronto, no ponto
Conhecer minha elegida

Casa comigo?

ELA

De caminhar, repletos de bolhas estavam os pés
Vacilante, ainda procurava o sabor da vida
Buscava num emaranhado jogo a sorte ou o revés
E então surgiste, já de coração sem ferida

Chegaste num momento em que eu passava através
De campos desérticos e no asfalto rendida
Ah, meu anjo, quanto me doíam os pés
Da caminhada em vão que me deixou perdida

Daí vieste como quem não quer nada
Me tocaste a alma, o espírito e o peito
E da tua água bebo, está meu nó desfeito

É por isso que me entrego descansada
Serena e feliz porque agora és meu eleito
E, portanto, se me queres, te digo: aceito!

5 comentários:

  1. Anônimo1:38 AM

    conversa de loko Oo

    ResponderExcluir
  2. Nhaaaaaaaaaaaa que lindooooooo!!!
    Um beijo!!!

    ResponderExcluir
  3. PC, que maravilhoso! Arrepiei.. com o final então.
    Parabéns.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Chorei. =P

    Lindo demais.

    ResponderExcluir